segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Conheça as novas tabelas salariais assinadas pelo governo

A FASUBRA assinou acordo com o governo na sexta feira 24/08 aceitando reajuste de 15% divididos em três anos (2013, 2014 e 2015). Naõ repõe nem mesmo a inflação e está dividido em três parcelas de 5%. Estas são as novas tabelas.

Clique na imagem acima para ver a tabela 2012

Clique na imagem acima para ver a tabela 2013

Clique na imagem acima para ver a tabela 2014

Clique na imagem acima para ver a tabela 2015

6 comentários:

Marcos disse...

Sugiro uma mudança no conteúdo do post. Em vez de "aumento salarial de 15 %", melhor deixar destacado o que realmente ocorreu - o acordo entre FASUBRA e governo resultou na reposição de menos da metade da inflação do período, ou seja, menos da metade do que a categoria deveria ganhar por direito garantido pela Constituição.

Enquanto se falar em "aumento", muita gente ficará iludida, achando que fomos beneficiados.

SINTUFF disse...

Sim, Marcos, você tem toda razão. O post foi corrigido.

Adriano Freitas disse...

Tenho uma sugestão... Posso estar enganado pois estou me baseando em informações que tenho pela internet... mas alguns sindicatos mantiveram a greve como o SINTUFF e aproveitam para reinvindicar pautas locais. Algumas já conseguiram inclusive a formalização de grupos de trabalho que implantarão as 30h (no papel)... Não seria hora do SINTUFF também fazer isso? Até onde sei, nossa jornada de 30h tb é um "acordo de cavalheiros". Não seria hora de formalizar isso e tentar resolver outros pontos?

SINTUFF disse...

Adriano, todas essas questões serão avaliadas na Assembleia desta terça. A questão das 30 horas é delicada, pois sua formalização aparentemente só seria viável por um acordo nacional, que se torna totalmente distante com o indicativo de final de greve da FASUBRA.
Seria muito bom sua presença na Assembleia para nos passar estes informes de lugares onde essa demanda está sendo formalizada.

Adriano Freitas disse...

Aqui de friburgo irão alguns colegas, eu, entretanto, trabalho também na iniciativa privada, sendo complicado faltar para ir, infelizmente. Mas a informação que tive é que um dos campus que estão conseguindo avanços "oficialmente" é no Paraná...

Jusel disse...

A Universidade Tecnológica do Paraná conseguiu as 30 horas de modo oficial...Vejam o acordo em
https://docs.google.com/file/d/0B4sfz-4uqdzAZVd2UkdWd2tSMjQ/view?pli=1&sle=true